Você já deve ter ouvido falar que as empresas contratam pela técnica, mas demitem pelo comportamento, não é mesmo? O baixo desempenho, a falta de adequação à cultura organizacional, entre outros fatores, também figuram entre as causas de desligamento. Todavia, um processo de seleção de profissionais bem realizado pode mudar essa realidade.

Uma organização que não dá a devida atenção às etapas do processo seletivo corre o risco de acabar contratando pessoas que não se enquadram no que o cargo realmente necessita e as consequências dessa ação podem ser graves.

Se melhorar a qualidade da equipe por meio de contratações mais eficientes é o seu objetivo, continue a leitura deste post e veja as dicas que separamos para ajudar você!

Por que investir na seleção de profissionais?

Acertar nas contratações e diminuir as taxas de rotatividade são um desafio para a maioria dos RHs das organizações atuais. Isso se dá porque os melhores profissionais estão se tornando cada vez mais exigentes.

Porém, o desejo de efetivar um verdadeiro talento não pode se sobrepor à necessidade da realização minuciosa de todos os passos do processo seletivo. Afinal, uma má contratação tem grandes chances de resultar em profissionais insatisfeitos em suas funções.

A Psicologia postula em várias das suas vertentes que o homem é um ser social. Isso quer dizer que ele influencia e é influenciado pelo meio no qual está inserido. No entanto, um estudo apontou que, em um ambiente de trabalho, há maior probabilidade de um sujeito aprender um comportamento ruim do que um bom.

Um mau funcionário é capaz de contaminar toda a equipe, atraindo sérios problemas para a organização. Desse modo, é fundamental que as lideranças percebam que os custos de um colaborador problemático vão muito além dos efeitos diretos das ações que ele comete.

Entre as situações de difícil resolução que podem ser encontradas estão a baixa na produção individual e na produtividade coletiva, hostilidades entre colaboradores, clientes e fornecedores, péssimo clima organizacional etc.

Por isso, a qualificação do recrutador deve ser o ponto de partida na hora de melhorar os processos de seleção. Esse profissional precisa ter os conhecimentos técnicos necessários para não contratar os indivíduos baseado em sua experiência pessoal ou em sua própria imagem.

Como realizar o processo da melhor forma possível?

Admitir profissionais de forma equivocada pode trazer para a empresa pessoas incapazes de desempenhar de maneira eficaz as tarefas que são a eles confiadas. Por essa razão, as técnicas utilizadas devem se complementar e dar subsídio para que haja uma escolha que tenha menor possibilidade de erros. Assim sendo, listamos algumas ações que podem ser adotadas durante o processo. Acompanhe!

Verifique se o perfil do profissional se adéqua ao cargo/função

O recrutamento permite ao profissional responsável por essa área ter acesso a um número considerável de candidatos. Há muitas pessoas querendo trabalhar. Porém, já nessa fase é preciso estar atento e ter cuidado com os candidatos que serão convocados.

Alguns dados dos currículos já apontam o tipo de perfil do concorrente. Portanto, verifique as suas habilidades, suas experiências, o seu objetivo etc. A partir dessas informações, é possível começar a identificar se o profissional se adequará ou não à vaga em aberto e à cultura da empresa.

Possua um arquivo com currículos

Dispor de um banco de currículos exige organização, pois pouco adianta ter uma grande quantidade de documentos se, ao precisar consultá-los, a procura é iniciada do zero.

Dessa forma, além de manter um arquivo, separe os currículos por categorias como função, curso ou competência. Isso facilitará buscas futuras e agilizará o processo de recrutamento. Um bom software de recrutamento e seleção pode ajudá-lo nessa tarefa.

Seja criterioso e faça testes

Os testes são algumas das etapas principais do processo seletivo. Contudo, existe uma infinidade deles que são favoráveis. Por isso, o profissional do RH que vai aplicá-los deve ter um vasto conhecimento sobre quais são, o que medem, quais são os mais indicados para cada cargo etc.

Caso contrário, a empresa investirá nesses recursos em vão, pois quando não são bem aplicados, os testes perdem a sua confiabilidade. Entre as avaliações possíveis de serem feitas estão as psicológicas, as de personalidade e também de desempenho. Todas devem focar no que a empresa necessita para que o resultado seja satisfatório.

Use a tecnologia ao seu favor

A utilização da tecnologia no cotidiano é uma realidade na vida da maioria das pessoas. A geração Y (ou Millennials), por exemplo, se vale da conectividade para resolver assuntos ligados a quase todas as áreas de sua existência, desde um pedido de comida a relacionamentos amorosos, e não é diferente no âmbito profissional.

Por esse motivo, as empresas que não inovam em seus processos e não adotam a Inteligência Artificial como parte integrante da sua metodologia de gestão podem perder em qualidade e lucratividade.

Com as ferramentas atuais, o recrutamento e seleção de profissionais ganhou aliados importantes. A tecnologia permite analisar currículos, monitorar perfis online, recrutar, entrevistar, aplicar testes e muito mais. Abrir mão desse recurso é aceitar ficar para trás em relação à concorrência.  

Invista em processos mais dinâmicos

Esta dica é um complemento da anterior. Afinal, o investimento em tecnologia já é em si uma aquisição de processos mais dinâmicos. Tal ação proporciona vários benefícios para as empresas. Porém, entre os mais significativos estão a economia do tempo dos profissionais de RH e a melhoria na estratégia da empresa como um todo.

A seleção de profissionais é crucial para a corporação. O sucesso do negócio está atrelado a isso. Escolher um novo colaborador é colocar na engrenagem da máquina alguém que poderá fazê-la funcionar com mais força e vitalidade ou o contrário, atrapalhar o seu andamento natural. Assim, é de extrema importância que a equipe de RH tenha os melhores recursos, saiba identificar os interesses dos candidatos e conciliá-los com os da empresa.

Agora que você já sabe alguns quesitos para selecionar os melhores profissionais para trabalhar em seu time, o que acha de conhecer uma plataforma especializada em unir candidatos qualificados e empresas? Entre em contato conosco e veja como podemos ajudar você nos seus processos de recrutamento e seleção!

Aplicativo DiscPowered by Rock Convert